Início > Brasil, Política > POLÍTICA ► Hipócrita e irresponsável, a candidatura José Serra ameaça a tranquilidade do processo eleitoral no país

POLÍTICA ► Hipócrita e irresponsável, a candidatura José Serra ameaça a tranquilidade do processo eleitoral no país

A candidatura José Serra e sua forte e golpista base midiática, posto que é difícil saber onde terminam as ações da campanha do político e começam as dessa mídia moralmente desqualificada, já que torna-se cada vez mais difícil dissociar umas das outras nestes dias.

Mas o fato é que mesmo simpatizantes antigos do desmemoriado José “Não fez por quê?” Serra surpreendem-se com o papel tragicamente lamentável que o candidato representa a serviço sabe-se lá de que causas e com métodos que beiram o ridículo – considerando ridículo um candidato à Presidência agir com os mais tacanhos e arcaicos métodos fascistas de fazer política em pleno ano de 2010.

Completamente desqualificado e despreparado para reagir sob pressão, José “Pinóquio” Serra sempre apela para a grosseria, a truculência, a ameaça, revelando seu lado – até então menos conhecido – antidemocrata.

Sendo assim, só pode ser entrevistado pelos amigos de sempre, fiéis camaradas, como o casal global William Bonner e Fátima Bernardes. Casal de jornalistas que se presta ao deprimente papel de levantar bolas na ponta da rede sem bloqueio para o candidato demotucano. Ou de marcar pênalti para Serra cobrar com goleiro vendado e de mãos atadas, para quem prefere analogias futebolísticas.

Repare que José Serra jamais responde a qualquer pergunta que o incomode. O sorriso mecânico imediatamente foge de seu rosto e vem à tona uma reação espontânea de intolerância com quem ousa desafiá-lo com perguntas fora do script. Sempre que José “Pai de Tudo” Serra é questionado sobre qualquer coisa que lhe incomode, como Dilma Rousseff constantemente o é, ele perde a linha.

Perde ou não tem? Bem, tanto faz. O que importa é que podemos imaginar como esse sujeito se sairia sofrendo, por exemplo, a patética e sistemática campanha promovida pelos quatro cavaleiros do apocalipse midiático, Veja, Globo, Estadão e Folha, contra o presidente Lula em seus oito anos de governo. Desequilibrado como tem se mostrado, talvez fosse capaz de colocar as forças militares na rua para silenciar sua oposição…

Silenciar, aliás, como seu forte grupo de direita tem tentado fazer contra aqueles que se opõem a eles.

Fora a hipocrisia de dizer que o governo Lula tenta censurar isso, o governo Lula usa a mídia (!!!) para aquilo, o governo Lula incita a violência… E outras asneiras que tais, sem sequer ficar com a cara vermelha de vergonha. Isso porque a vergonha ele parece já ter perdido há tempos. Ou será que foi a vergonha que desistiu dele? Quem nasceu primeiro, o ovo ou a galinha?

Enfim, gentileza sabemos que gera gentileza. Mas José Serra não liga para isso e tornou-se uma ameaça latente à civilidade do processo democrático, à tranquilidade do país e à própria democracia brasileira. Ódio e preconceito são palavras que caminham lado a lado com a campanha desse pobre candidato que sofre de delírios de grandeza.

E também sabemos que quem semeia vento colhe tempestade (velho e sempre útil ditado popular). Com sua irresponsável tática troglodita, o destemperado Serra semeia vento. Espero que só ele colha a tempestade – e não o país todo.

É minha opinião.

Anúncios
  1. Nenhum comentário ainda.
  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: