RSS

FUTEBOL ► Arbitragem carioca: o ridículo ao extremo

11 mar

Outro dia escrevi aqui sobre o pastelão em que tem se transformado arbitragem de futebol, no Rio de Janeiro em particular. O link é este. Naquela ocasião, o meu Fluminense foi prejudicado, talvez devido a um vírus que cause deficiência visual ou dificuldade de raciocínio. Mas esta semana as coisas chegaram à beira do ridículo – ou ao ridículo ao extremo.

Jogavam Fluminense e América no Engenhão quando o árbitro João Batista de Arruda viu pênalti quando o atacante Michel se atirou espalhafatosamente na área ao ser combatido por Leandro Euzébio. Um daqueles pênaltis que só parecem existir nas regras do futebol brasileiro.

Pois bem, pau que nasce torto normalmente morre torto mesmo. O pênalti ser mal marcado é uma coisa, podemos creditar a uma má interpretação. Mas o que aconteceu depois foi dessas que só consigo exprimir escrevendo assim: R-I-D-Í-C-U-L-O!

Repare na foto, reproduzida da TV, que quando o jogador Diguinho bateu na bola, Ricardo Berna, goleiro tricolor, não estava adiantado, estava muito adiantado. No melhor estilo Rogério Ceni. Com o impulso, foi além da metade da pequena área. Como a cobrança não foi lá das melhores, a defesa ficou até simples de fazer.

O chefe da arbitragem carioca, Jorge Rabello (que foi um juiz um tanto atrapalhado), disse ser caso de oculista. Triplo, ele deve querer dizer, porque há três bonecos de azul simulando prestar grande atenção à jogada.

Isso não pode ser sério, não é mesmo?

Anúncios
 
3 Comentários

Publicado por em 11 de março de 2011 em Futebol

 

Tags: , , , , , , , , ,

3 Respostas para “FUTEBOL ► Arbitragem carioca: o ridículo ao extremo

  1. Eduardo R. V.

    11 de março de 2011 at 17:53

    É brabo.
    Pra ficar ruim, tem que melhorar bastante.

    Curtir

     
  2. Walmir Alves Ferreira

    14 de março de 2011 at 13:48

    Muito oportuna essa sua observação, ainda acredito que posso acrescentar algo mais. Tenho observado e toda imprensa critica a atuação de alguns árbitros cariocas, principalmente aqueles que apitam partidas que envolvem o flamengo. Contra o Bangu, por exemplo, o árbitro permitiu que o jogo seguisse até que o flamengo fizesse o gol da vitoria. Foi vergonhosa essa atitude daquele “juizinho” de futebol que nem o culpo muito e sim os que tinham poderes de riscar seu nome de vez da lista de árbitros, colocou seu nome pra ser sorteado, esquecendo o passado dele naquela antiga partida do flamengo contra o botafogo onde esse ultimo foi duramente prejudicado.
    Agora ontem dia 13/03 deste, nesse clássico contra o fluminense, o juiz mostrou ter medo do Ronaldo Gaucho ou do próprio flamengo. Naquela falta dura contra o goleiro, onde “deveria” ter mostrado cartão vermelho, sabendo que aquele jogador é uma besta muito maldosa sendo inclusive expulso da copa de 2002 contra a Inglaterra, mostrou aquele ridículo cartão amarelo que podia bem ter enfiado em outro lugar bem próximo seu bolso traseiro.

    Curtir

     
    • opiniaododavid

      14 de março de 2011 at 14:30

      É, Walmir, até o Fernando Calanzas na edição de domingo do O Globo questionou a arbitragem por não expulsar Ronaldo Gaúcho nas sucessivas entradas maldosas que ele tem dado nos adversários. Há muitos anos ele faz isso. Ontem ele apenas somou mais uma entrada criminosa ao seu currículo. A impressão que dá é que hoje o marketing é tudo. O marketing e o compromisso da imprensa com patrocinadores. Você já imaginou se fosse o Edmundo a fazer essas coisas? Ou Carlos Alberto, Felipe, Kléber…? A imprensa cairia de pau, não é mesmo? Ah, e seria sempre cartão vermelho.

      Curtir

       

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: